Comprar computador, TV, celular ou qualquer outro equipamento eletrônico é mais complicado do que decidir entre “marcas de pão de forma” no supermercado. Muitas vezes, por não saber qual o produto mais indicado para o seu uso, você gasta muito mais do que deveria ou compra algo que não terá todas as funções que você necessita. Imagine a sua decepção, ao saber que a sua “maravilhosa compra” tornou-se um “elefante branco”. Para evitar esses problemas, o ideal é que você contrate um consultor de tecnologia para te assessorar.

Eu, como consultor de tecnologia, pergunto algumas coisas na hora de definir a compra do seu equipamento. À partir das suas respostas é que poderemos otimizar a(s) sua(s) compra(s) identificando e dimensionando corretamente as suas necessidades e/ou conseguindo algum desconto na(s) loja(s) indicada(s). Vamos às perguntas:

– Quanto você pretende gastar? (valor máximo e mínimo)
– Prefere ir à loja física ou pode comprar pela Internet?
– Como você quer pagar? (dinheiro, boleto, cartão de crédito, parcelado, à vista)
– Se importa com nota fiscal e garantia dos fabricantes? (considero muito importante)
– Softwares licenciados… Você tem licença para usá-los ou nem sabe o que é isso?
– Qual será o uso principal? (Lazer, trabalho, educação)
– Dentro das atividades de uso do equipamento o que você acha que não pode faltar de jeito algum?
– Você se importa mais com portabilidade ou desempenho?
– Quando obsoleto, você gostaria ter a chance de atualizar seu equipamento ou preferirá trocá-lo?